24 de Junho de 1916 – Começa a batalha do Somme

Uma nova ofensiva estava acontecendo na europa ocidental paralela ao mesmo tempo também que ocorria um banho de sangue em Verdun,a região do somme acabaria se tornando conhecida pela inúmeras vidas perdidas naquele local.

Antecedentes

O front europeu estava estagnado nos mais de 800 km de trincheiras a guerra era estática, a situação tinha chegada a tal nível na linha de frente que uma prática conhecida como ” Viva e deixe viver” passava por alguns pontos no front,onde as tropas apesar de inimigas não faziam questão alguma de atirar umas nas outras nem bombardeá-las em troca a tropa inimiga faria o mesmo.

O alto comando inglês para solucionar este problema ordenou que patrulhas fossem organizadas e avançassem para vistoriar as linhas alemãs,estas eram extremamente arriscadas e durante várias vezes soldados morreram o que acabava despertando um sentimento de ira no espírito dos soldados que abandonaram esta prática de não atacar os alemães.

Na região do Somme o general Sir Henry Rawlinson arquitetou uma ofensiva que de acordo com sua estrutura era dependente mais de armas do que do apoio dos soldados, como diz o próprio relato de Henry:

” Com fartura de armas e munições,deveríamos ser capazes de evitar as pesadas perdas com as quais a infantaria havia sofrido em ocasiões anteriores.”

De acordo com o plano tropas francesas deveriam desempenhar o papel principal nesta ofensiva,entretanto a grande batalha de Verdun atraia toda a atenção francesa para resistir a qualquer custo naquela região para esta nova ofensiva,então,os ingleses se encarregaram do papel primordial. A ofensiva projetada inicialmente por Rawlinson passou pelas mãos do chefe das forças britânicas Sir Douglas Haig que encarregou-se de transformá-la em algo muito maior.

Pode-se afirmar também que esta ofensiva ajudou em grande escala para o sucesso dos franceses em Verdun,pois com a ofensiva russa e agora esta inglesa no Somme,os alemães teriam que realocar tropas para impedir que estas novas ofensivas obtivessem sucesso,acarretando assim num enfraquecimento de suas forças no combate com os franceses.

Douglas_Haig

 Comandante das forças britânicas Douglas Haig

Mapa do Combate

Battle_of_the_Somme_1916_map

 

O Combate

Quando a ofensiva inglesa começou no dia 24 de Junho,para se ter uma dimensão do ataque,foram tantos disparos de canhões e de tal força que em Londres,que fica localizada a 250 km de distância, as janelas se agitaram. Após mais de 7 dias de bombardeio intenso por parte dos ingleses o resultado esperado não foi demonstrado,os canhões dos alemães continuavam atuando e as defesas continuavam sólidas.

British_39th_Siege_Battery_RGA_Somme_1916

 Bateria Inglesa abre fogo contra posições alemãs

Estudos indicam que apesar dos inúmeros disparos realizados pelos ingleses naquela região,por volta de 30% de seus disparos falharam ao atingir o solo porém o fracasso do bombardeio não pode-se afirmar somente pelo controle de qualidade da munição mas também por não haverem muitas peças de artilharia pesadas e principalmente pelos artilheiros ingleses não serem muito bons. Eis a comparação feita por um coronel inglês sobre a diferença entre a artilharia inglesa e francesa no Somme :

” A artilharia francesa em seus ataques não deixava o terreno aos pedaços antes de se mover sobre ele. Um curto e intenso bombardeio seguido por uma investida de homens dava-lhes uma posição limpa e intacta,nós transformávamos nosso terreno em um pântano e depois enviávamos tropas lentamente sobre ele e esperávamos que eles providenciassem a sua cobertura para a retaliação do inimigo. “

Quando a ofensiva terrestre começou no dia 1º de Julho,a diferença entre as táticas francesas e inglesas ficou extremamente clara, os primeiros alcançaram todos os seus objetivos a custo de alguns milhares de baixas já os ingleses perderam 57.470 homens e não conseguiram cumprir quase nenhum objetivo. Assim aconteceu durante toda a batalha com os ingleses perdendo muitos homens e não conseguindo nenhum avanço notável o que acarretou ao fim do combate 620.000 baixas entre mortos,feridos e desaparecidos.

Os ingleses aprenderam rápido a nova maneira de fazer o avanço de soldados com apoio da artilharia, treinaram melhor seus artilheiros,providenciaram novas armas e promoveram um melhor controle de qualidade para suas munições,porém tudo tarde demais para o Somme. A ofensiva arquitetada por Rawlinson e aprimorada por Haig mostrou-se um fracasso e principalmente para o comandante em chefe das forças britânicas há uma parcela de culpa maior decorrente de sua estratégia de não recuar quando as linhas de frente não foram rompidas fazendo com que assim o exército britânico perdessem muitos soldados sem razão.

British_infantry_Morval_25_September_1916Infantaria Britânica se movendo

Baixas

Tríplice Entente : 620.000 entre mortos,feridos e desaparecidos

Império Alemão: 450.000 entre mortos,feridos,desaparecidos ou capturados

 

 

Deixe uma resposta