06 de Outubro de 1973 – Falece o Aspirante Aviador João Milton Prates

Piloto Brasileiro que um acidente durante a decolagem acabou tirando-o das operações até a sua recuperação total entretanto a guerra terminou antes de que voltasse a operar .

joão Milton PRates

 

Nasceu em Diamantina,estado de Minas Gerais no dia 14 de Julho de 1922. Fez o curso de piloto de caça no P-47 em Baton Rouge, estado da Louisiana nos Estados Unidos juntamente com outros dois colegas o Aspirante Fernando Pereyron Macellin e o Aspirante Fernando Correa Rocha, quando partiram rumo à Itália já possuía mais de 140 horas de voo a bordo de um P-47.

Voava na Esquadrilha Azul e possuía 55 missões até que no dia 20 de Abril de 1945 Prates sofreu um acidente durante sua decolagem, onde seu avião sofreu uma pane total na decolagem e chocou-se contra o solo, João foi arremessado para longe do mesmo e acabou ferindo-se com gravidade na cabeça onde um corte profundo fez com que houvesse até mesmo um deslocamento do seu couro cabeludo, foi levado ao hospital geral da 12ª Força Aérea em Livorno.

Este acidente fez com que ele ficasse afastado do comando do P-47 até sua recuperação total apesar de protestos do aviador juntamente ao Médico do 1º GAvCA , o Tenente Lutero Vargas , onde insistia para poder voar chegando a sugerir que colocasse algodão no capacete para amenizar impactos contra o ferimento porém com a negativa do médico teve que aguardar até sua total recuperação.

A guerra acabou antes da total recuperação do acidente, retornou ao Brasil em 19 de Julho de 1945, onde continuou a trabalhar para a FAB até o ano de 1950 quando foi chamado pelo governo de Minas Gerais para ser o piloto do avião de Juscelino Kubitschek, função esta que atuou durante um longo período chegando a se tornar amigo dele que algum tempo depois foi eleito presidente da República. Faleceu dormindo no dia 06 de Outubro de 1973.

Deixe uma resposta